Na cidade do Barcelona, o Espanyol também consegue fazer mais negócios

Em Barcelona, há duas opções: ou torce-se pelo Barça, ou sofre-se pelo Espanyol. Não são muitos os que vão pelo segundo caminho. É apenas uma #MeravellosaMinoria, ou “Maravilhosa Minoria”, como o próprio clube a classificou. Mas é essa gente que, aos pouquinhos, está melhorando os números blanquiblaus fora de campo.

esp_003

Em 2016-17, o Espanyol superou pela primeira vez a marca de € 2 milhões em bilheteria: exatos € 2.195.088,94, que representam um incremento de 22% sobre 2015-16; que, por sua vez, tinha sido 9,7% melhor do que 2014-15. No mesmo período, o clube transitou apenas entre oitava e 13ª posições nas tabelas finais da LaLiga, longe do objetivo — que, a essa altura, virou sonho — de voltar à UEFA Europa League. E além dos gastos em matchday, os tours oficiais pelo estádio Cornellà-El Prat também aumentaram: 48%, com mais de 5 mil visitantes apenas em 2017, que curtiram de exposições temáticas a um inédito escape room de Halloween.

Os bons números continuam na rede de lojas RCDESTIL Shop, que teve, em 2016-17, sua melhor temporada. As vendas cresceram 24%, sendo 10% digitais. As camisas de jogo assinadas pela JOMA foram os itens mais procurados (22%), mas o aumento de licenciamentos e a criação de dia promocionais específicos, como o “White & Blue Day” e “White & Blue Night” — espécies de “black fridays” pericas — ajudaram.

esp_001

Somados a outras atividades e fontes de receita — sobretudo diretos de transmissão —, o Espanyol fechou 2016-17 com faturando na casa de € 76 milhões e lucro de € 6,6 milhões. Sim, o faturamento do Camp Nou só com match day foi maior. E, sim, esse balanço azul não cumpre nem metade da meta de € 15 milhões fixada pela propriedade chinesa blanquiblau. Mas as coisas estão caminhando. Cativando a sua #MeravellosaMinoria, o Espanyol vai crescendo e (re)criando o seu espaço na “capital mundial do Barça”.

l

Thiago Zanetin tem 32 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha com o dia em que as verdadeiras cores gialloblù da cidade voltarão a brilhar na Europa.

Imagens: Divulgação.

l

Siga o Futebol Marketing nas redes sociais: facebook | twitter

Category: Marketing