Francesco Totti: a eterna definição de marca da Roma

totti10

“Em marketing, o mais poderoso conceito é representar uma palavra na mente (das pessoas).” Assim escreveram Al Ries e Jack Trout, no best seller mundial “As 22 Consagradas Leis do Marketing”, de 1993. Naquele mesmo ano, no dia 28 de março, Francesco Totti, então com apenas 16 anos, estreava pela Roma na Serie A.

totti4

Hoje (28), exatos 24 anos e dois meses depois, o conceito de Ries e Trout encontrou em Francesco uma nova evolução. Aclamado por quase 80.000 torcedores no Stadio Olimpico di Roma, e seguido por milhões Itália e mundo afora, Totti, celebrado por vestir pela última vez sua camisa 10 giallorossa, deixou de representar palavras e passou a expressar a marca Associazione Sportiva Roma.

totti5

O rol de conquistas da Roma está sintetizado no currículo de Totti: não há nada que o clube não tenha conquistado que ele também não conquistou. Ao longo dos anos, sua personalidade e orientação para a vitória sintetizaram os valores que o torcedor romanista esperava de um ídolo. E sua identificação com a camisa gialorossa, que vem desde as arquibancadas, sintetiza os sentimentos de uma multidão de apaixonados — pela Roma e pelo futebol.

totti2

Se alguém ainda tinha dúvidas, agora e obrigado a reconhecer: Francesco Totti é a AS Roma. E continuará sendo, como comprovam uma faixa quilométrica, vista na manhã de hoje no CT romanista de Trigoria — “Non piango perché smetti, ma sorrido perché sei stato” (ou “Não choro porque você vai parar, mas sorrio por você ter jogado” — e sua declaração de despedida no Olimpico di Roma. LENDÁR10.

Chegou a hora. Eu chorei todos os dias.
Foi minha única camisa. É uma decisão que tomei junto à minha esposa
e a minha família. Por mim, ficaria aqui mais 25 anos.
Obrigado, Roma. Obrigado à minha família — mãe, pai e irmão.

Eu gostaria de ter escrito uma poesia, uma música,
mas não sou capaz. Tentei, porém, expressar-me com os pés esses anos todos.

Maldito tempo. Fico arrepiado ao quando penso
naquele 17 de junho de 2001.
[O dia do scudetto]
A partir de amanhã, serei adulto.

Gostaria de dedicar essa carta a vocês,
a todos que gritam “Totti-gol”. Hoje, realmente, acabou.
Tiro essa camisa pela última vez, ainda que não esteja pronto para fazer isso.
E talvez jamais estarei. Apagar as luzes não é fácil.

Agora estou com medo — não é como bater um pênalti.
Podem acreditar. Agora, preciso de vocês e do calor que sempre me deram.
Com a ajuda de vocês, poderei mergulhar numa nova aventura.

Agradeço a todos, dos presidentes à Curva Sud.
Nascermos romanos e romanistas é uma honra. Vocês estão e estarão para sempre
na minha vida. Meu coração estará sempre aqui com vocês.

Agora, vou para o vestiário que me acolheu
quando era criança para, agora, deixá-lo como homem.
Estou orgulhoso por ter dado 28 anos de amor a vocês.
Amo vocês.

roma

l

Thiago Zanetin tem 31 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha com o dia em que as verdadeiras cores gialloblù da cidade voltarão a brilhar na Europa.

Imagens: Divulgação.

l

Siga o Futebol Marketing nas redes sociais: facebook | twitter

Category: Marketing