Netshoes colocará à venda 2,5 mil camisas da #Chape, e 100% da renda irá para o clube

chape-1

Foi imediato: no mesmo dia (29/11) em que o mundo foi atingido pela tragédia da Chapecoense, na Colômbia, o torcedor brasileiro, em um ato de solidariedade, esgotou as camisas do clubes nas lojas físicas e, principalmente, nos e-commerces. E, em meio a essa ação popular, uma nota negativa: a Netshoes teria aumentado o modelo 2015 da Chape disponível no site em quase 100% (de R$ 129,00 para R$ 249,00).

No imediatismo das redes sociais, choveram críticas à Netshoes. Tantas que, rapidamente, o caso ganhou repercussão internacional. E levaram o presidente e fundador da empresa, Marcio Kumruian, a prestar esclarecimentos publicamente, dois dias depois. Eis o motivo da polêmica: após todas as camisas da Chapecoense em estoque terem sido vendidas por um preço promocional (R$ 129,00), o sistema do site retornou automaticamente ao preço original do produto (R$ 249,00).



Explicação convincente? Para muitos, sim. Para outros tantos, não. E, entre boas e más reações, o que ficou para a Netshoes foi uma percepção negativa sobre o episódio. Como revertê-la? Com ação.

Em parceria com a Chapecoense e a Umbro (sua fornecedora esportiva), a Netshoes anunciou que colocará à venda um lote de 2,5 peças da 3ª camisa — criada especialmente para a campanha do título na Copa Sul-Americana –, ao preço de R$ 200,00 cada, com 100% da renda revertida ao clube. Mais: a cada compra, a Netshoes fará uma doação de igual valor à Chape; ou seja, a cada unidade vendida, o alviverde receberá R$ 400,00 e, ao todo, pode faturar até R$ 1 milhão.

chape-3

É uma iniciativa nota 10. Mas, àqueles que, por quaisquer motivos não puderem comprar uma camisa, reforçamos o apelo para que se associem à Chapecoense. Além dos planos regulares de ST, o clube disponibiliza a categoria Sócio Contribuinte, a partir de R$ 20,00. Clique aqui para conhecer e, dentro das suas possibilidades, ajude na reconstrução do clube. Juntos, #SomosMaisQue11 e podemos fazer mais pela Chape. Parabéns, Netshoes. Obrigado, torcedor do Brasil.

chape-4

Thiago Zanetin tem 31 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha com o dia em que as verdadeiras cores gialloblù da cidade voltarão a brilhar na Serie A e na Europa.

Imagens: Divulgação

Category: CamisasMarketingRedes Sociais