Negócio fechado: Clube do Remo troca Umbro por Topper

remo-001

Bicampeã paraense com o Clube do Remo em 2003 e 2004, a Topper está oficialmente de volta ao lado azulino de Belém. O anúncio foi realizado hoje (13), pondo fim a meses de negociações e, consequentemente, à parceria de quatro anos do “leão” com a Umbro — que, antes, já havia perdido o Náutico para a marca brasileira.

Os valores do acordo não foram revelados, mas especula-se que a Topper repassará ao Remo até 20% dos lucros sobre as vendas de produtos (com a Umbro, eram apenas 10%), além de bônus por títulos e acessos — prerrogativa interessante para o clube, atualmente na Série C do Brasileirão. A duração do contrato também não foi informada.

remo-002

Dessa forma, a Topper, que retornou ao nosso futebol em 2016, após mais de um ano de hiato, soma o sexto clube ao seu portfólio nacional — além do Remo, patrocina Botafogo, Brasil de Pelotas, Paraná Clube e Ceará, além do já citado Náutico — e se posiciona em cinco das dez maiores capitais o País (Rio de Janeiro, Fortaleza, Recife, Curitiba e, agora, Belém). Situação que contrasta com a presença da marca no mercado argentino, onde, apesar de ser tradicional e multicampeã, corre o risco de perder o Racing Club, hoje seu único representante, para Nike ou adidas.

Thiago Zanetin tem 30 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha com o dia em que as verdadeiras cores gialloblù da cidade voltarão a brilhar na Serie A e na Europa.

Imagens: Divulgação.

Category: CamisasMarketingMercadoNegócios