CSA troca Super Bolla por Umbro, que volta a crescer no Nordeste

csa-002

Ainda não há grandes detalhes — valor, duração e modalidade do contrato, por exemplo –, mas já há a certeza: em 2017, o CSA para o Estadual, a Copa do Nordeste, a Copa do Brasil e a tão sonhada reesteia na Série C do Brasileirão vestindo Umbro. O acerto foi anunciado na última quarta-feira (14), em substituição à Super Bolla, que vestiu o Azulão do Mutange nas últimas temporadas.

A coleção com assinatura da diamond será lançada ainda em dezembro de 2016 (em boa hora para as festas de Natal e réveillon), com vantagens para sócios-torcedores — em reconhecimento a um dos únicos programas do País que, ao longo de 2016, apresentou crescimento em todos os meses no Movimento Por Um Futebol Melhor.

none

Para a Umbro, é um acerto precioso, pois expande a presença da marca na Região Nordeste — onde já conta com o Bahia e, antes, havia perdido o Náutico. Atlético Paranaense, Chapecoense, Cruzeiro, Grêmio, Joinville e Vasco da Gama completam o portfólio.

csa-001

E uma curiosidade sobre o mote da parceria, “Um time internacional merece vestir uma mara internacional”. A frase, claro, faz referência à campanha do CSA na extinta Copa CONMEBOL de 1999, em que foi superado apenas na final, pelo argentinos do Talleres de Cordoba. Talleres que vestia — adivinhe? — Umbro. Parece que esse jogo virou, não?

Thiago Zanetin tem 31 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha com o dia em que as verdadeiras cores gialloblù da cidade voltarão a brilhar na Serie A e na Europa.

Imagens: Mantos do Futebol (1); Divulgação (2 e 3).

Category: CamisasMarketingMercado