Campeões não foram líderes de faturamento na #UCL e #UEL 2015-16. Por quê?

uefa2

Com a bola rolando, Real Madrid e Sevilla levantaram, respectivamente, as taças da UEFA Champions League e Europa League na última temporada. Na distribuição de receitas da UEFA, porém, os “títulos” ficaram com Manchester City — semifinalista da UCL e eliminado justamente pelos merengues — e Liverpool — vice da UEL. O que desequilibrou essa disputa? Os direitos de transmissão. Ou por outra: a forma como a UEFA distribui esses direitos.

uefa_direitos

Explicando: nas competições da UEFA, os clubes recebem não apenas com base nas partidas que disputaram (bônus por participação e campanha), mas também proporcionalmente aos acordos de mídia fechados em seus países — o chamado market pool. Esse pool é dividido de acordo com:

– a posição em que cada clube se classificou para cada torneio na temporada anterior (campeões nacionais garantem dinheiro extra);

– a progressão dos clubes na disputa da UCL e UEL (quanto mais partidas e melhores performances, mais dinheiro; e

– o número de vagas que um mesmo país ocupa fase a fase na UCL e UEL (quanto menos concorrentes domésticos, mais verba para cada clube).

juve

Para entendermos essa relação, vamos analisar o caso da Juventus, “campeã” do market pool com € 52.932.000,00 recebidos:

– a Itália concentra o maior valor de mídia das competições da UEFA (quantidade e/ou valorização de contratos);

– classificada como campeã da Serie A TIM, a Signora já chegou à UCL 2015-16 com vantagem sobre Roma e Lazio;

– como a Lazio foi eliminada no playoff que precede a fase de grupos, as fatias de mídia da UCL para Juve e Roma aumentaram;

– apesar de terem parado na mesma fase da UCL (oitavas de final), o desempenho em campo da Juventus foi melhor do que o da Roma; e

– chegamos a uma “fórmula” — campeã nacional + apenas um concorrente doméstico + melhor performance técnica = mais dinheiro para a Juventus.

CLIQUE NA TABELA PARA AMPLIAR
CLIQUE NA TABELA PARA AMPLIAR

Desse modo, só nos resta conferir quem ganhou quanto em cada competição. Na Champions League foram repartidos pouco mais de € 1,3 bilhão (€ 315 milhões a mais do que em 2014-15) entre 42 clubes: 32 na fase de grupos e dez eliminados nos playoffs.

UCL 2015-16 — TOP 10 DE RECEITAS POR CLUBE
01. Manchester City — € 83.853.000,00 (€ 46.921.000,00 em market pool)
02. Real Madrid — € 80.067.000,00 (€ 26.027.000,00 em market pool)
03. Juventus — € 76.256.000,00 (€ 52.932.000,00 em market pool)
04. Paris Saint-Germain — € 70.803.000,00 (€ 40.371.000,00 em market pool)
05. Atlético de Madrid — € 69.665.000,00 (€ 21.733.000,00 em market pool)
06. Chelsea — € 69.174.000,00 (€ 44.742.000,00 em market pool)
07. Roma — € 68.461.000,00 (€ 47.853.000,00 em market pool)
08. Bayern — € 64.391.000,00 (€ 25.851.000,00 em market pool)
09. Barcelona — € 56.552.000,00 (€ 25.620.000,00 em market pool)
10. Arsenal — € 53.423.000,00 (€ 31.099.000,00 em market pool)

CLIQUE NA TABELA PARA AMPLIAR
CLIQUE NA TABELA PARA AMPLIAR

Já na Europa League, foram repartidos € 410 milhões (€ 170 milhões a mais do que em 2014-15) entre 56 clubes: 48 na fase de grupos e oito que “caíram” da UCL — caso do Sevilla, que acabou conquistando o título e, mesmo somando as premiações das duas competições, não alcançaria os ganhos do Liverpool.

UEL 2015-16 — TOP 10 DE RECEITAS POR CLUBE
01. Liverpool — € 37.845.598,00 (€ 26.406.398,00 em market pool)
02. Tottenham — € 20.855.456,00 (€ 14.967.056,00 em market pool)
03. Villarreal — € 16.498.046,00 (€ 8.359.646,00 em market pool)
04. Lazio — € 15.365.956,00 (€ 9.357.556,00 em market pool)
05. Fenerbahçe — € 14.530.030,00 (€ 9.460.830,00 em market pool)
06. Borussia Dortmund — € 14.274.107,00 (€ 8.040.307,00 em market pool)
07. Athletic Bilbao — € 14.262.761,00 (€ 7.374.361,00 em market pool)
08. Sevilla — € 13.848.973,00 (€ 3.598.973,00 em market pool)
09. Napoli — € 6.690.425,00 (€ 12.518.025,00 em market pool)
10. Fiorentina — € 6.690.425,00 (€ 11.173.725,00 em market pool)

Thiago Zanetin tem 31 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha com o dia em que as verdadeiras cores gialloblù da cidade voltarão a brilhar na Serie A e na Europa.

Imagens: Divulgação.

Category: MarketingMercado