#CA2016 | Qual o valor de mercado das seleções da Copa América Centenário?

ca 2016

Ontem (30), conhecemos os dez jogadores mais valiosos da Copa América Centenário – que começará nesta sexta-feira (3), nos Estados Unidos. Agora, vamos analisar os valores dos planteis. Assim como em 2015, os dados são da agência Euroamericas Sport Marketing e, em uma rápida comparação com os da edição anterior, indicam que:

– somadas, as 16 seleções valem US$ 2,603 bilhões (pouco mais de R$ 9,110 bilhões, sendo R$ 1,00 = US$ 3,50), “apenas” US$ 0,2 bilhão a mais do que em 2015, quando tínhamos 12 participantes;

– mesmo mantendo a liderança de um ano atrás, a Argentina registrou desvalorização de 7% (de US$ 799,9 para US$ 745 milhões);

Neymar Jr. faz falta ao Brasil também fora de campo. Considerando o seu valor de mercado (US$ 111.450.000), ele faria o valor do elenco amarelinho saltar de US$ 532 milhões para US$ 643.450.000. Sem ele, baixa de 12,2% em relação a 2015;

– atual campeão, o Chile também fica com o “título” de valorização, indo de US$ 115,3 milhões em 2015 para os atuais US$ 348 milhões. México (de US$ 105,4 milhões para US$ 251 milhões) e Peru (de US$ 24,3 milhões para US$ 55 milhões) também estão em alta;

novidades em relação a 2015, Estados Unidos (seleção da casa), Panamá, Costa Rica e Haiti valem, somados, US$ 132 milhões, ou 5% do total.

none

Abaixo, você confere o valor individual de cada seleção da Copa América Centenário:

01. Argentina: US$ 745 milhões.

02. Brasil: US$ 532 milhões.

03. Chile: US$ 348 milhões.

04. México: US$ 251 milhões.

05. Colômbia: US$ 184 milhões.

06. Uruguai: US$ 120 milhões.

07. Equador: US$ 103 milhões.

08. Paraguai: US$ 101 milhões.

09. Estados Unidos: US$ 100 milhões.

10. Peru: US$ 55 milhões.

11. Costa Rica: US$ 22 milhões.

12. Venezuela: US$ 14 milhões.

13. Bolívia: US$ 12 milhões.

14. Panamá: US$ 7 milhões.

15. Jamaica: US$ 6 milhões.

16. Haiti: US$ 3 milhões.

chile

Thiago Zanetin tem 30 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha com o dia em que as verdadeiras cores gialloblù da cidade voltarão a brilhar na Serie A e na Europa.

Imagens: Divulgação.

Category: Marketing