40 anos depois, Bayer Leverkusen deixará de vestir adidas

chicharito

Uma das parcerias mais duradouras do futebol mundial está chegando ao fim. Juntos desde 1976, Bayer Leverkusen e adidas não renovarão seu vínculo ao final desta temporada. A informação é do diário alemão Bild, que já confirma a também germânica Jako (atual responsável pelos uniformes de Darmstadt, Hannover 96 e Karlshure) como futura fornecedora esportiva dos lowën, por um investimento de € 2,2 mihões anuais – embora a duração do acordo ainda seja desconhecida.

Ao que tudo indica, o término da parceria foi uma opção estratégica da adidas, que prefere concentrar seus investimentos nos clubes de projeção mundial do seu portfólio (Manchester United, Bayern, Real Madrid, Chelsea, Milan e Juventus, donos de contratos longos e multimilionários), além de prestigiar suas equipes de apelo nacional – status que o Bayer Leverkusen, “confinado” em sua pequena cidade de 161 mil habitantes, e com poucos títulos no currículo, ainda não alcançou.

none

Mas, por poucos que tenham sido, a adidas esteve presente em todos os grandes momentos do Bayer Leverkusen: do acesso à elite (1978-79) – de onde o clube nunca mais saiu – aos títulos da então UEFA Cup (1987-88) e da DFB-Pokal (Copa da Alemanha, 1992-93), além da final na UEFA Champions’ League, em 2000-01, quando Zidane arruinou o sonho. Os contratos vêm e vão, mas o vínculo histórico continua.

leverkusen 001

leverkusen 002

leverkusen 003

Thiago Zanetin tem 30 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha sempre em ver as verdadeiras cores gialloblù da cidade brilhando Europa afora.

Imagem: Divulgação

Category: CamisasMercadoNegócios