REPUCOM | Premier League cresce 36% e lidera receita com patrocínios de camisa

united

Nesta semana, a REPUCOM (líder global em marketing esportivo e pesquisa) divulgou a mais nova versão 2014-15 do seu relatório “European Football Jersey Report”, que analisa os patrocínios de camisa das principais ligas do Velhor Mundo: Barclays Premier League (Inglaterra), Liga BBVA (Espanha), Serie A TIM (Itália), 1. Bundesliga (Alemanha), Ligue 1 (França) e Eredivisie (Holanda). Destacamos os números mais relevantes.

grafico 2

Somadas, as receitas dos seis torneios saltaram de € 570 milhões, em 2013-14, para € 687 milhões na atual temporada. Um crescimento de 20%, impulsionado, sobretudo, pelo aumento dos aportes internacionais. Espanha (86%), Inglaterra (75%) e França (68%) se mostram mais abertas a investimentos vindos de fora, enquanto Itália (46%) Alemanha (24%) e Holanda (19%) ainda tendem a se alimentar dos seus mercados internos – no caso holandês, como veremos, nem tanto.

grafico 3

Ainda sobre patrocínios internacionais, a maioria dos investimentos na temporada vem das companhias dos Emirados Árabers Unidos: € 120 milhões no total (soma considerável para um país que mal figurava nessa estatística há dez anos). Em seguida vêm Alemanha, Estados Unidos – muito em razão do acordo de € 54 milhões por ano entre Chevrolet e Manchester United – , Reino Unido, Itália e Qatar.

grafico 1

Chegamos, então, à análise das ligas. A Barclays Premier League lidera com folga tanto no total de receitas (€ 213 milhões) quanto em crescimento, de 2013-14 para cá (36%). A Liga BBVA também cresceu expressivamente, 30%, mas sua arrecadação está muito aquém dos € 139 milhões da 1. Bundesliga. A Serie A TIM, como sempre, está com o farol vermelho ligado: embora tenha crescido mais do que a Ligue 1 (21contra 13%) seu valor de € 84 milhões ainda é inferior ao consolidado pelo campeonato francês na temporada passada. A Eredivisie foi a única que decresceu: -5%, caindo de € 44 milhões para € 42 milhões; um resultado que já coloca os holandeses abaixo da Major League Soccer-MLS, onde os clubes devem faturar cerca de € 45 milhões.

Thiago Zanetin tem 29 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha sempre em ver as verdadeiras cores gialloblù da cidade brilhando Europa afora.

Imagens: Divulgação

Category: CamisasMarketingMercado