Rebrand Warrior-New Balance rende acordo de £ 300 milhões ao Liverpool

nb

Em maio de 2013, um estudo da REPUCOM mostrou que as então newcomers americanas Warrior e Under Armour elevaram para £ 117,3 milhões o total arrecadado pelos clubes da Barclays Premier League com acordos de fornecimento esportivo na temporada 2012-13 – bem à frente das principais ligas concorrentes Europa afora.

Quase dois anos depois, esse valor não representa nem a metade do que o Liverpool receberá de outra americana, a New Balance. Assumindo as operações da já citada Warrior, que é sua subsidiária, a marca vai investir £ 300 milhões (mais de R$ 1,3 bilhão) para vestir os reds pelos próximos seis ano. O contrato, que será ativado em 2015-16, é o maior da história dos reds e, no cenário mundial, perde apenas para os £ 750 milhões que a adidas pagará ao Manchester United.

Companheiros mais destacados do Liverpool no já ex-portfólio da Warrior, Porto, Sevilla e Stoke City também vão migrar para a New Balance – embora, acreditamos, por valores menores. De acordo com a imprensa especializada, o próximo alvo da marca é o Celtic, que encerrará seu vínculo com a Nike no meio do ano.

Thiago Zanetin tem 29 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha sempre em ver as verdadeiras cores gialloblù da cidade brilhando Europa afora.

Imagem: Ilustração/La Casaca!

Category: CamisasMarketingMercado