Manchester United registra receita recorde no 2º trimestre de 2013-14

united

Contrastando com seus resultados irregulares na atual Barclays Premier League, o Manchester United anunciou ontem (12) uma receita de £ 122,9 milhões para o segundo trimestre de 2013-14. Além de ser o melhor resultado do clube no período em todos os tempos, o número é quase 25% do que o registrado nos primeiros três meses da temporada.

Mais uma vez, a área comercial respondeu por boa parte das entradas. Entre 1º de outubro e 31 de dezembro de 2013, os red devils ativaram seis novos patrocínios, que renderam £ 42,3 milhões (alta de 18,8% em relação ao segundo trimestre de 2012-13), impulsionando a participação anual da área para 30%. Os direitos de transmissão subiram para £ 46,9 milhões (18,7% a mais), provenientes dos novos acordos fechados pela Football Association e da participação do United no pool de mídia da UEFA Champions’ League.

Na contramão do faturamento, os gastos com atletas aumentaram 16,7% – e isso sem contar os £ 37,1 milhões investidos junto ao Chelsea na contratação de Juan Mata. Mesmo assim, a (altíssima) dívida geral do clube decresceu 2,7%, e agora está em £ 356,6 milhões.

Imagem: Divulgação

Category: MarketingNegócios