Financiamento popular e amor pelo futebol garantiram SD Eibar na elite espanhola

eibar 1

No dia 25 de maio de 2014, os torcedores da pequena Eibar, cidade industrial basca de 27.000 habitantes, comemoraram o inédito acesso do SD Eibar, seu clube e maior orgulho, à elite do futebol espanhol (Liga BBVA). Mas, no fundo, ainda não tinham certeza se realmente poderiam ser “da Primeira”.

Explicando: mesmo sem dívidas, os armeros, como são conhecidos, só poderiam ser aceitos entre os grandes se fizessem um aumento de, pasmém, aproximadamente 525% em seu capital social, passando de € 400.000 para € 2.120.000, atendendo ao patamar mínimo exigido pelo Consejo Superior de Deportes para a temporada 2014-15 – em mais um daqueles dispositivos criados para “garantir a sustentabilidade econômica do torneio”, mas que, na prática, funciona apenas para excluir os clubes menores.

Embora orgulhosos, nem todos os já citados 27.000 habitantes de Eibar torcem pelo SD Eibar. E só no País Basco o clube concorre (e, certamente divide torcida) com Athletic Bilbao e Real Sociedad, seus “primos maiores”. Como conseguir € 1.720.000 em um cenário como esse?

eibar 2

Ao invés de esperar pelo cheque salvador de algum xeique árabe ou magnata russo de plantão, o SD Eibar decidiu se abrir para a comunidade boleira, lançando uma campanha de ampliação do seu quadro de sócios-proprietários. Batizada como ‎Defiende Al Eibar (“Defenda o Eibar”), a iniciativa permitiu que torcedores e simpatizantes adquirissem ações do clube por € 50, mas sem poder superar o teto de € 100.000.

Fanáticos azulgranas e pequenas empresas locais foram as primeiras a aderir. A Hummel, fornecedora esportiva do clube, também fez sua parte. Eventos aconteciam. Mais e mais espaços na imprensa se abriam. E nas redes sociais, posts e hashtags fizeram com que a causa se tornasse mundial. Ao todo, torcedores de 48 países abraçaram os armeros. Alguns com mais recursos, outros com menos; mas todos movidos pelo desejo de expressar seus sentimentos, não pelo clube (que provavelmente mal conheciam), mas pelo futebol; de fazer e ser parte daquela que poderia ser uma grande história.


Pois assim foi. No último dia 15, o SD Eibar anunciava que já tinha mais do que os € 1.720.000 necessários para a inscrição. Ao todo, foram 3.069 renovações, mais de 12.500 novos acionistas registrados e uma enorme lista de espera, que permitirá ao clube expandir seu capital muito além do mínimo necessário. Tudo isso investindo na paixão dos torcedores, que serão homenageados tendo seus nomes gravados num dos muros do estádio Ipurua. E, simbolicamente, estarão lado a lado com os 5.200 fanáticos que vão lotar suas arquibancadas a cada jogo na elite.


Imagens: Divulgação

Category: Marketing