Estrelas saíram, e site Planete-ASM convoca torcida do Monaco a pedir reembolso

monaco

Futebol é negócio, certo? Então, como em todo bom negócio, é de se esperar que, no mínimo, todos estejam satisfeitos. Não é o caso dos torcedores do Monaco, em especial do site popular Planete-ASM. Representando a frustração monegasca com o “mercado de contenção” realizado pelo clube na janela de verão 2014-15, que culminou na saída de estrelas como James Rodriguez, Falcao García e Abidal, e também de nomes menos aclamados, como Obbadi e Rivière, a pagina está convocando os torcedores a pedir reembolso pelos abonamentos (carnês de jogos) para a temporada.

A baixa performance no transferências não foi uma exclusividade do Monaco. Conforme comentamos ontem (2), em nosso Facebook, a Ligue 1 somou o menor investimento entre as cinco principais ligas europeias: “apenas”, £ 100 milhões. O Fair Play Financeiro imposto pela UEFA representou, sem dúvida, uma limitação grande limitação às contratações na França. Limitação esta que, no caso específico dos rouges et blancs, juntou-se aos problemas financeiros de seu proprietário, o russo Dmitry Rybolovlev (o que também escancara a ausência de uma gestão profissional).

Nada, porém, que tire certa razão do Planete-ASM. Afinal, o preço de um espetáculo também é determinado pelo elenco. Com esse argumento – e relembrando um movimento equivalente da torcida do Milan, quando da venda de Thiago Silva e Ibrahimovic – foi publicado um manifesto, que você confere mais abaixo (o original está aqui).

É com um sentimento de ressaca que os torcedores se levantam, depois de terem vivido uma noite muito agitada e marcada, às 2h30, pelo empréstimo de Radamel Falcao para o Manchester United, cinco semanas após a venda de James Rodriguez, para o Real Madrid. Por essas duas partidas (além daquelas de Abidal Obbadi, Rivière, etc) e, especialmente, por não ter visto chegar quase nenhum jogador durante a janela de transferências, o torcedor monegasco navega entre raiva, incompreensão e frustração.

Após cruzarem o verão ouvindo encorajadores slogans e sinais de que James Rodriguez e Radamel Falcao poderiam levar o clube ao auge, os torcedores se sentem, hoje, traídos. Traídos por terem engolido essas promessas e por terem aceitado um reajuste significativo nos abonamentos para o estádio Louis II.

Uma situação muito parecida com a que os torcedores do Milan viveram em 2012, quando viram Thiago Silva e Zlatan Ibrahimovic, após terem suas imagens usadas para promover vendas de carnês, serem vendidos ao PSG. Esses torcedores buscaram o reembolso de suas compras. E o vice-presidente do clube “rossonero” pareceu concordar com o pedido. “O Milan está pronto para reembolsar os torcedores que não estão satisfeitos com o mercado de transferências realizado pelo clube.”

Como torcedores do AS Monaco, por que não fazemos o mesmo? Não há nenhuma indicação de que o clube vai aceitar esses pedidos; mas, pelo menos, saberão que o descontentamento é geral. Então, se você quiser, solicite o reembolso do seu carnê, ou então a enorme diferença cobrada em relação à última temporada.

Imagens: Divulgação

Category: MarketingMercado

Comentários

  1. Tá tendo o que merece, sou contra investimentos de fora em times de futebol, o Mônaco só era grande por causa do dinheiro, nunca foi grande antes. Fair play já!