Torcida é diferencial do Orlando City para chegar à MLS

No começo de agosto, dissemos que Orlando estava na rota de expansão da Major League Soccer, que pretende contar com 24 franquias até 2020. E no que depender da torcida do Orlando City, que busca o bicampeonato na USL Pro (“Terceirona” americana), o negócio tem tudo para ser um sucesso.

Comandado pelo brasileiro Flávio Augusto da Silva, o clube lançou um vídeo-case sobre sua média de público na temporada: 7.918 espectadores por jogo, ocupando pouco mais de 10% dos 70.000 lugares do estádio de futebol americano Seat Citrus Bowl. Pouco? Pelo contrário: esse número representa a maior base de fãs fora da MLS, e poderia incrementar em até 150% a audiência de arenas “mais intimistas” da categoria.

Para que isso aconteça, o Orlando City negocia a construção de um estádio junto às autoridades de Orange County. Uma casa específica para o futebol na Flórida pode ser o passe definitivo do clube para a MLS, provavelmente em 2015. E a primeira estrela a pisar no futuro campo pode ser o brasileiro Kaká, já sondado em junho. Será que vai dar negócio?

Fonte: Kckrs . Imagens: Divulgação

Category: MarketingMercadoNegócios