ChievoVerona transforma rivalidade em hino. Ouça aqui:

Mudar o hino de um clube: no Brasil, algo (ainda) impensável; nos grandes centros europeus, uma atitude que, muitas vezes, condiz com uma atualização de posicionamento – como a instituição deseja ser vista, por seus torcedores e também pelos adversários.

É o caso do ChievoVerona, que vive sua 12ª temporada na elite. Nascido em um bairro da periferia de Verona – o que lhe garante certa simpatia na Itália, mas pouca torcida na cidade -, o clube foi buscar num dérbi do passado, contra o arquirrival Hellas Verona, a inspiração para Vola con noi (“Voe com a gente”), sua nova música-conceito, que o mostra como um “pequeno gigante”.

A história de fundo é curiosa: no final da temporada 1998-99 da Serie B, os torcedores do Hellas, que já estava perto do acesso, provocaram a torcida clivense com uma faixa em que se lia E quando i mussi i volarà faremo el derby in serie A (“E quando os burros voarem, faremos o dérbi na Serie A”). Três anos depois, de fato, os burros voaram e as duas equipes se encontraram na Primeira Divisão.

Conheça e acompanhe, então, um trecho do novo hino do ChievoVerona, escrito e executado pelos músicos-torcedores da banda Sonohra:

Ai margini di una città
Às margens de uma cidade
Nasceva un sogno che
Nascia um sonho que
È diventato una realtà
Tornou-se uma realidade
Incontrastabile
Incontestável

Tra le grandi sei un gigante ormai
Entre os grandes, você já é um gigante
Nella forza dei valori tuoi
Na força dos seus valores

Urleremo al cielo gialloblù e l’anima
Vamos gritar ao céu amarelo-e-azul, com alma
Nel mio cuore c’è solo ChievoVerona
No meu coração, há só o ChievoVerona
Chievo, gloria e passione tu sei
Chievo, você é glória e paixão
Vola con noi
Voe com a gente

Imagens: Divulgação

Category: Marketing