Em oito anos, Atlético de Madrid gastou mais de 300 milhões de euros em contratações

(Foto: Reprodução)

O Atlético de Madrid, que já teve melhores dias na Liga Espanhola, não vem surpreendendo o público por bons resultados em campo. O clube que no começo do século chegou a disputar a segunda divisão, ganhou  apenas um título no ano retrasado quando venceu a UEFA Europa League, o que é muito pouco para um clube que sempre foi considerado grande. A Liga Espanhola não vem desde a temporada 95/96.

Mas, no quesito investimento, o Atlético de Madrid pode ser considerado um tremendo gastador. Nos últimos oito anos, foram mais de 300 milhões de euros em contratações. Para ser mais exato foram 333,4 milhões na contratação de 75 jogadores. Muito mais que outras equipes que obtiveram maior sucesso dentro de campo como Valencia, Villarreal e Sevilla.

Este ano o clube gastou apenas em Falcão Garcia, cerca de 40 milhões de euros e jamais esteve na fase de classificação para a UEFA Champions League. Além disso, o clube segue sem patrocínio master, o que significa um investimento muito alto para um baixo retorno financeiro e esportivo.

Category: Mercado

Tags: