Juventus fecha última temporada com o pior balanço financeiro da história

A Juventus de Turim, maior campeã do futebol italiano, fechou o exercício  2010/2011 com déficit de 95,4 milhões de euros, o pior da história do clube.

Segundo o presidente do clube, Andrea Agnelli, nesta terça-feira durante a  assembleia de acionistas do clube, “o balanço 2010/2011 é o pior da história (…) é inadmissível pelas perdas, mas é fruto da vontade de manter a Juve competitiva e esperando que vença, como a história impõe.”

Andrea Agnelli, presidente da Juventus

Lembrando que a Juventus inaugurou a pouco tempo seu novo estádio, que teve um custo total de 122 milhões de euros, sendo o grande responsável pelos números negativos. Em contrapartida espera-se que através dele a receita aumente mais de 20 milhões de euros por ano.

Nos últimos anos, por algumas temporadas a Juventus ficou fora da UEFA Champions League, o que foi uma grande perda financeira. O investimento em jogadores como foi feito na atual temporada e, consequentemente, voltando a disputar o maior torneio de clubes do mundo, traria um encaixe maior nos cofres da Vecchia Signora e serviriam para ajudar a reverter essa situação.

Category: MercadoNegócios

Tags: