FOTO DO DIA | “Juventus Stadium”: um marco no futebol italiano

Ontem (8), a Juventus se tornou o primeiro clube da Itália a ter um estádio próprio. Com capacidade para 41.000 torcedores e custo aproximado de € 105 milhões, o “Juventus Stadium” tenciona marcar o início do tão esperado “renascimento” da Vecchia Signora, em crise de bons resultados desde a passagem pela Serie B, há cinco temporadas.

Suas implicações, porém, vão além disso. Estádios de propriedade são necessários para que os clubes – em especial os protagonistas de um futebol em crise, como o italiano de hoje – diversifiquem seus negócios e aumentem suas ofertas de valor.

Fica a expectativa de que o “Juventus Stadium” – que já tem os direitos de naming rights acordados com a Sportfive Italia – impulsione outros projetos igualmente promissores, como os de Siena, Palermo, Cagliari e Hellas Verona, e resgate outros que se perderam, caso da Cittadella Viola, da Fiorentina.

Foto: La Presse

Thiago Zanetin (@th_dellascala) tem 25 anos e trabalha como redator publicitário. Fanático seguidor do Hellas Verona, espera ansiosamente pelo dia em que as verdadeiras cores gialloblù da cidade voltarão a brilhar na elite italiana.

Category: Marketing

Tags: