Especial | A Copa do Mundo e o Brasil

No último mês fui a convite do Futebol Marketing acompanhar o Soccerex, um evento que reúne os maiores investidores do mundo futebolístico da mais alta patente.

Entre uma troca de cartões e outra, tirei um tempinho para assistir uma palestra que no meu ver (como sou publicitário) seria interessante: O Papel das agências em mega eventos esportivos e tendo como convidados Rick Dudley, presidente e CEO da Octagon Worlwide, Nizan Guanaes, chairman do grupo ABC, e mediação de Luiz Fernando Lima, diretor de Esporte da TV Globo.

Confesso que, como a maioria dos brasileiros, não imaginava em que pé estávamos para sediarmos o maior evento do mundo e depois de tudo o que esses três caras falaram em suas palestras eu tive a real noção de que o evento é imensamente maior do que aquele que imaginamos e que sim a COPA JÁ COMEÇOU HÁ MUITO TEMPO!

Segundo as previsões de Rick Dudley, até 2014 o futebol será o 3º esporte mais popular dos estados unidos, e essa afirmação não é somente baseada em hipóteses, a FOX SPORTS já comprou os direitos de transmissão das copas de 2018 e 2022 e atualmente já passa os campeonatos europeus para disputar audiência com os esportes americanos transmitidos pela NBC.

Não sou o maior especialista de futebol, aliás, estou longe disso, mas não imaginava que a estratégia de trazer os grandes jogadores brasileiros que estavam na Europa para jogar em clubes brasileiros fazia parte de um plano para a Copa do Mundo. A intenção da FIFA e de todos os cartolas do futebol é deixar o futebol ainda mais global e com isso fortalecer os assets locais, pois hoje o futebol profissional de concentra na Europa. Com todos os investimentos que estão sendo feitos nosso futebol nacional começa a atrair os investidores e com isso nosso país cresce ainda mais.

Depois das palestras e debates que ouvi, tive a clara sensação de que a Copa do Mundo de 2014 será um marco na história brasileira. Tenho certeza que, se você tiver menos de 50 anos, nunca viu algo de tamanha magnitude acontecer no Brasil. O mundo está mudando e o Brasil (me permitam o trocadalho) é a bola da vez!

Serão investidos para a Copa 2014 os seguintes valores

  • 105 bilhões de dólares
  • 18 bilhões em infraestrutura
  • 10 bilhões em turismo e
  • 3 milhões de brasileiros para poder movimentar todo esse dinheiro!

Acho que dá pra fazer um evento legal, né?

Por: Gus Moreira (@GusMoreira)

Category: MarketingMercadoNegócios