Análise | Grêmio vs Liverpool (Uruguai)

Foto: Reprodução/Grêmio.net

UMA BOA VITÓRIA, MAS AINDA NÃO CONVENCEU!

A equipe do Grêmio de Porto Alegre fez uma jogo meio irregular ontem no Olímpico contra o Liverpool do Uruguai pela pré-libertadores da América. Mesmo vencendo a equipe uruguaia o tricolor não convenceu plenamente, porque ainda precisa acertar alguns pontos na defesa.

Comparando com o jogo de ida no Uruguai a equipe gaúcha errou no mesmo fundamento, a bola aérea em sua defesa. A equipe do treinador Renato Gaúcho sofreu muito nesses dois jogos quando o assunto era bola pelo alto. Foram muitos erros que colocavam a classificação em risco a todo instante.

Um dos motivos foi à fragilidade da defesa nas bolas vindas por cima. Os zagueiros tinham dificuldade de subir e marcar os atacantes adversários.

Outro ponto era quando o meio campo gremista deixou o meio campo uruguaio avançar no seu campo e construir jogadas de ataque. Ai entra aquela velha máxima, “a melhor defesa é o ataque”.

Esse ponto foi facilmente notado quando Renato tirou um volante, Adilson e colocou um meia mais avançado, Vinícius Pacheco, que deu mais dinamismo ao setor de criação da equipe gaúcha. E pelo jeito, Fábio Rochemback, único volante do time, segurou o adversário sem problemas.

Esse time que quase chegou ao título em 2010 carece de mais ajustes. As férias cortaram o embalo da equipe que vinha passando por cima de todo mundo, mas agora, de forma irregular, ganha uma, empata outra e assim por diante.

A equipe de Renato Gaúcho precisa ganhar mais confiança.

Joffrãn da Silva (@Joffran) é professor, consultor e treinador de futebol em Florianópolis, SC. Nesse espaço Joffrãn escreve sobre as nuances do futebol, analisa jogos, relata sobre as organização das competições e comenta sobre o treinamento do futebol.

Category: Marketing

Tags: