Nuova Vecchia Signora

A temporada na velha Bota vai começar.

Vai começar também a nova fase da Juventus. O projeto que deveria ter como técnico o francês Deschamps, depois da passagem pela Serie B em 2006/07, foi entregue nas mãos de Ranieri, passou por Ciro Ferrara e se encontrou no fundo do poço com o decadente Zaccheroni.

As temporadas 2006/07 (Serie B), 2007/08, 2008/09, 2009/10 são amargas para a história bianconera. Neste período teve dois presidentes, Cobboli Gigli e Jean Claude Blanc. No período Blanc a torcida nunca pensou que sentiria tanta falta de Gigli, tamanho o desastre na gestão dentro e fora de campo do incompetente Blanc e suas estratégias sem sentido.

Mas agora sim começa o projeto.
A Vecchia Signora volta a ter o comando de um Agnelli (o que conforta muito a torcida), apesar de Andrea Agnelli ser novo e pouco experiente no comando de um time de futebol. Começo é começo e a Juve está recomeçando. O comando técnico está nas mãos de Luigi Delneri – que assume o clube depois de uma excelente passagem pela Sampdoria – e com ele veio, também do clube de Genova, Giseppe Marotta (assume no lugar do grande ídolo Roberto Bettega) e tem a responsabilidade de comprar e vender jogadores, ou seja, é Marotta que vai montar o time e diga-se de passagem que é um desafio enorme e complicado. É só observar que o time está defasado em atacantes, laterais e zagueiros; sem falar que Delneri é um grande apreciador do 4-4-2 o que na prática quase exclui o brasileiro Diego do time (para não falar que o coloca pra fora). E por falar em Diego sua saída está cada vez mais eminente e de volta para um time alemão. Shalke04 e Wolfsburg já fizeram suas propostas.

Os nomes mais especulados em Turim e pelo próprio Marotta são Dzeco e Krasic. Até agora nada confirmado e ainda não passou de rumores. Enquanto isso os tifosi se matam de ansiedade para ver um ataque contundente, que convença e que faz frente com os velhos tempos.

Por enquanto o time que Delneri e Marotta montaram não “enche os olhos”, mas já deu pintas de que é melhor que os elencos dos últimos 3 anos. O primeiro desafio com este novo elenco foi contra o Shamrock Rovers valendo classificação pela UEFA Europa League. A Juventus venceu o jogo fora por 2 a 0 (dois gols de Amauri) e em casa voltou a vencer com um golaço de Del Piero pelo placar de 1 a 0.

Os novos bianconeros são:
Leonardo Bonucci – veio do Bari
Jorge Martinez – veio do Catania
Simone Pepe – veio da Udinese
Storari (goleiro) – veio da Sampdoria
Lanzafami – de volta, vindo do Parma
Marco Motta – veio da Roma

Se despediram:
Giovinco – Parma
Cannavaro – Al Ahli
Martin Caceres – Barcelona
Immobile – Siena

Pasquato – Modena

Poulsen – Liverpool
Candreva – Udinese

As duas listas (de vinda e de ida) ainda podem agregar mais jogadores. Camoranesi é um que pode estar de saída.
A Juventus estréia no campeonato italiano dia 29 de agosto fora de casa contra o Bari. Antes disso a Senhora enfrenta Milan e Internazionale no tradicional Torneio Tim no dia 13 de agosto.

Fabriani Melazzo

Publicitário e fanático na Velha de Turim.

@fabrianimelazzo

Category: Marketing

Tags: